Influência (Josué 24:15) - 18 de Enero 2010 - Conexão Gospel
Sexta, 2014-10-24, 07:29
Conexão Gospel MainRegistre-seLogin
Bem Vindo Convidado | RSS
Menu Principal
Comentários
200
Enquete
Qual o melhor estilo
Total de respuestas: 108
   
Inicio » 2010 » Janeiro » 18 » Influência (Josué 24:15)
Influência (Josué 24:15)
12:18
Penso que é sempre bom parar para pensar na influência que estamos exercendo sobre as pessoas ao nosso redor, até porque a influência pode ser negativa ou positiva. Estamos sendo observados em cada atitude que tomamos. A parte ruim disso, é que quando agimos de forma incorreta exercemos influências negativas sobre aqueles que nos veem como exemplos de pessoas.

Levando em consideração que o cristão é o indivíduo que carrega o nome de Jesus, creio que pessoas comprometidas com Deus devem ser uma influência positiva na vida dos outros. Por isso precisam:

1. Reavaliar sua vida (v. 14)
"Agora temam o Senhor e sirvam-no com integridade e fidelidade. Joguem fora
os deuses que os seus antepassados adoraram além do Eufrates e no Egito, e
sirvam ao Senhor."

Josué apelou aos israelitas para que jogassem fora os deuses que seus antepassados tinham adorado na Mesopotâmia e no Egito. O bezerro de ouro em Êxodo 32:4 talvez seja um exemplo da adoração deles aos deuses do Egito.

Quais têm sido os ídolos de seu coração? Talvez a mentira, a falsidade, o espírito de discórdia, o orgulho, o dinheiro (avareza), a apatia, a ira, o sexo, a pornografia, a arrogância, a inveja, ou qualquer outro desses pecados tenha ocupado um lugar de destaque em sua vida cristã.

Deus diz em sua Palavra: "Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito" (Gálatas 5:25), ou seja, precisamos ter no mínimo coerência ao caminharmos com o Senhor.

Diante disso, faça uma reavaliação de sua vida e, de uma vez por todas, abandone o (s) pecado (s) que tem tomado seu coração, e quem sabe até cauterizado-o, fazendo de você um indivíduo insensível aos toques do Senhor. Essa reavaliação, certamente, vai levá-lo a renovar os seus votos com o Salvador.

2. Posicionar-se como um cristão (v. 15)
"Se, porém, não lhes agrada servir ao Senhor, escolham hoje a quem irão servir,
se aos deuses que os seus antepassados serviram além do Eufrates, ou aos
deuses dos amorreus, em cuja terra vocês estão vivendo. Mas, eu e a minha
família serviremos ao Senhor."

Josué declara publicamente seu compromisso, esperando que Israel faça o mesmo. Tal como ele, precisamos tomar algumas atitudes na vida cristã.

Às vezes, queremos fazer o que Jesus não fez, ou seja, agradar a todos; e, para isso, nos portamos como verdadeiros políticos que querem conquistar a simpatia das pessoas, nem que seja necessário negociar nossos princípios bíblicos sobre a mentira, falsidade, orgulho, avareza, arrogância etc. E ainda fazemos vista grossa e ouvidos moucos para o que vimos e ouvimos e, como se não bastasse, damos a razão para quem quer e não para quem tem - exatamente o contrário do que deve ser - pois no final das contas, o importante mesmo já não é mais agradar a Deus, mas sim conquistar a aprovação de todos e, consequentemente, ser conivente com o pecado.

Posicione-se como um homem e uma mulher de Deus pois,assim as pessoas que estiverem ao seu redor talvez sejam influenciadas por sua correta posição e passarão a levar uma vida cristã de compromisso com Deus.

3. Servir com a motivação correta (vv. 16,18,21)
"...Além disso, o Senhor expulsou de diante de nós todas as nações, inclusive os
amorreus, que viviam nesta terra. Nós também serviremos ao Senhor, porque
ele é o nosso Deus..."

O que o motiva a permanecer nos caminhos de Deus? O que o motiva a permanecer servindo na igreja de Cristo, apesar das dificuldades muitas vezes enfrentadas? Geralmente temos a motivação errada para servir. Há quem o faça com o propósito de se exibir, outros buscam a aprovação de pessoas, uns servem esperando o reconhecimento de homens (os elogios, os tapinhas nas costas) etc. E o que muitas vezes segura as pessoas em uma determinada igreja são os amigos, a boa equipe de louvor, as paqueras, o grande número de membros, a boa pregação do pastor, entre outras coisas.

Com o povo de Israel foi diferente. Apesar de serem inconstantes quando se tratava de caminhar fielmente com Deus - pois às vezes serviam ao Senhor e em outras ocasiões debandavam para o lado dos outros deuses - assumiram o compromisso de servir, com a motivação correta, o Senhor dos exércitos. Quando foram indagados sobre a possibilidade de se voltarem ou não ao único e verdadeiro Deus, responderam: "...Nós também serviremos ao Senhor, porque ele é o nosso Deus..."

Se a sua motivação para servir for qualquer outra que não seja Jesus e tudo o que ele fez por você, saiba que está com a utilizando a motivação errada, pois todas as demais coisas passarão, perderão o seu significado e você logo se desanimará Portanto, faça como o povo de Israel fez nessa ocasião, decida servir ao Senhor porque ele é o seu Deus. Tenha a motivação certa e sirva bem motivado.

Deus abençoe as nossas vidas.

Pastor Renato (1ª Igreja Evangélica Irmãos Menonitas do Jabaquara).

Visitas: 2762 | Adicionado por: Adson
Nombre *:
Email:
Código *:
Login
Calendario
«  Janeiro 2010  »
SegTerQuaQuiSexSaDo
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Busca no Site
Nosso Play


Estatisticas

Total en línea: 0
Visitante 0
Usuarios: 0
Copyright Adson © 2014Crear un sitio web gratis